terça-feira, 16 de março de 2010

BULLYING - O medo nas escolas

Foi-se o tempo em que a escola era sinônimo de paz, de busca e transmissão de conhecimentos. Infelizmente, nossas escolas vêm se transformando em locais de medo e insegurança. Crianças e adolescentes são ameaçados, constrangidos e agredidos e muitos precisam procurar outra escola para fugir das humilhações e da violência.
Cada vez mais essa palavra de origem inglesa  (a palavra "Bully" significa "valentão") vem se tornando o pesadelo de muitos alunos .
"Entende-se por bullying atitudes agressivas, intencionais e repetitivas, adotadas por um indivíduo (bully) ou grupo de indivíduos contra outro(s), sem motivação evidente, causando dor, angústia e sofrimento e, executadas em uma relação desigual de poder, o que possibilita a vitimização."
A escola é de grande significância para as crianças e adolescentes, e os que não gostam dela têm maior probabilidade de apresentar desempenhos insatisfatórios, comprometimentos físicos e emocionais à sua saúde ou sentimentos de insatisfação com a vida. Especialistas revelam que esse fenômeno, que acontece no mundo todo, pode provocar nas vítimas desde diminuição na auto-estima até o suicídio.
No início deste ano letivo o Ministério Público e a Secretaria Estadual de Educação de Santa Catarina lançaram  uma campanha visando combater esse mal. É a campanha "Bullying, isso não é brincadeira".
É importante que se discuta isso em sala de aula com palestras, vídeos, etc., de modo a permitir ao aluno entender que essa é uma prática abusiva e que pode deixar sequelas para toda a vida. A escola pode adotar medidas que envolvam toda a comunidade escolar, contribuindo para a formação de uma cultura de não-violência. Afinal todos têm o direito de frequentar uma escola segura e solidária capaz de gerar cidadãos conscientes que respeitem as pessoas e suas diferenças.

Para saber mais acesse: Revista Nova EscolaPortal do Ministério Público de SC, Brasil Escola, Portal Educacional, Observatório da Infância, Revista Veja.
O blog listas de 10  fez uma lista de 10 filmes com diferentes abordagens sobre o tema. Das mais trágicas, às ternas e engraçadas. Bom material que pode ser trabalhado em sala de aula.

Se você é alvo de bullying lembre-se destas dicas:
- Você não está sozinho! Não tenha medo de contar o que acontece pra um adulto em quem você confia. Pode ser seus pais, professores, ou então converse com seus avós, irmãos ou irmãs.
- Evite os agressores e os lugares onde eles estão. Se você sabe que um garoto ou garota não gosta de você, então procure ficar longe deles.
- Procure não ficar sozinho nos corredores, banheiros, salas vazias ou no pátio. É bom estar à vista dos professores e de adultos. Melhor ainda é fazer amizades e tornar-se integrante de um grupo. Isto dificulta a aproximação dos bullies.
- Se o agressor não ficar longe de você, procure não se irritar, ignore-o. Não revide, tal atitude piora ainda mais o bullying. É mais difícil para ele te incomodar se você demonstrar desprezo.
- Seja confiante. Não aja de maneira apavorada, olhe nos olhos de quem fala com você. Não fique bravo, tente rir da situação. Isto mostra que você não está com medo e o humor às vezes pode ajudar a diluir a situação.
- Procure seu médico ou a enfermeira da escola. Peça para eles anotarem qualquer arranhão ou machucado em você e mostre pra um adulto.
- Isto vai passar! Você não vai se sentir mal assim pra sempre!

Para finalizar um poema escrito por Anthony Kisley

WE ALL BLEED RED…
TODOS SANGRAMOS VERMELHO

Maybe I can’t write a sentence or one word at all,
Talvez eu não consiga escrever uma frase, ou mesmo uma palavra,
But does that mean you can push me against the wall?
Mas isso significa que você pode me empurrar contra a parede?
Maybe I can’t read as good as the rest of the class,
Talvez eu não consiga ler tão bem quanto o restante da classe,
But that mean you have to trip me as I walk past?
Mas isso significa que você tem de me fazer tropeçar quando estou passando?
Maybe I can’t kick a ball as far as the best,
Talvez eu não consiga chutar a bola tão longe quanto o melhor,
But does that mean I stand out from the rest?
Mas isso significa que sou diferente dos demais?
Maybe I can’t shout as loud as you can,
Talvez eu não consiga gritar tão alto quanto você,
But does that really make me any less of a man?
Mas isso me torna um homem menor?
Maybe I’m a different colour, a different race,
Talvez eu seja de uma outra cor, uma raça diferente,
But does that give you the right to hit my face?
Mas isso lhe dá o direito de bater no meu rosto?
Maybe my glasses make my face look round,
Talvez meus óculos façam meu rosto parecer redondo,
But does that mean you have to throw them to the ground?
Mas isso quer dizer que você deve atirá-los no chão?
Maybe I’m poor, and have no money,
Talvez eu seja pobre, e não tenha dinheiro algum,
But does that mean you can mock me so your friends think you’re funny?
Mas isso quer dizer que você pode me ridicularizar para que seus amigos o achem engraçado?
Maybe I wear clothes by Adidas or Nike,
Talvez eu vista roupas Adidas ou Nike,
But does that give you the right to steal things I like?
Mas isso lhe dá o direito de roubar as coisas de que gosto?
Maybe I’ll never win, and I’ll always lose,
Talvez eu nunca venha a vencer, e seja sempre um perdedor,
But could you leave me alone? Do I get to choose?
Mas você pode me deixar em paz? Posso escolher?
Maybe you don’t care if I’m alive or dead,
Talvez você não se importe se estou vivo ou morto,
If there was only one thing that I wish would sink into your head :
Se eu pudesse escolher uma única coisa para entrar na sua cabeça seria isto:
“We are all the same. We all bleed red…
“Somos todos iguais. Todos sangramos vermelho…”

12 comentários:

  1. A abordagem é muito boa. Este é um fato que as escolas não podem mais deixar de se apronfundar, afinal é uma triste realidade de nossas escolas.

    ResponderExcluir
  2. Prof. Ana Mª da Silva16 de março de 2010 09:17

    Achei muito boa a iniciativa da SED de Santa Catarina e do MP. Todos os estados poderiam aderir à campanha...

    ResponderExcluir
  3. Ou todos nos unimos contra a violência ou o fim da humanidade será trágico!

    ResponderExcluir
  4. Ótimos vídeos!

    ResponderExcluir
  5. cara ajudou mto no meu trabalho do colegio...valeu msm

    ResponderExcluir
  6. E o pior é que a violência está imperando em todos os setores da sociedade

    ResponderExcluir
  7. Acho bom que finalmente alguém resolveu tomar uma atitude contra essas práticas nas escolas. Porém, posso dizer por experiência própria que só fazer campanhas de conscientização não vai mudar nada a realidade.
    Me lembro que quando eracriança, fui vítima de torturas psicológicas por parte de outras crianças. E nós tínhamos aulas da chamada Educação Moral. A maioria das crianças simplesmente "dão de ombros" para o que é ensinado. E os professores apenas incentivam indiretamente essa práticas.
    O maior incentivo é a impunidade, ou a punição injusta. Enquanto houver quem veja uma cena de violência ou de abuso e saia fora com o famoso "é coisa de criança", só incentivará a prática do mal. Da mesma forma, a prática comum de ver dois ou mais crianças brigando e punir a ambas. Isso é tã justo quanto alguém ser assaltado e o policial trancafiar assaltante e vítima. Com certeza, os docentes precisam de muito preparo para que essas práticas sejam abolidas da escola.

    ResponderExcluir
  8. A sociedade tem que se mobilizar, junto com o Poder Público pra coibir este tipo de comportamento.
    Pois como bem sabemos, educação vêm de casa.
    Belo post.
    Abraços

    ResponderExcluir
  9. http://recantodaspalavras.com.br/2010/03/20/com-quantas-estrelas-se-faz-um-ceu-estrelado/

    ResponderExcluir
  10. gostei do seu post...recomendo também para quem pesquisa sobre o assunto que leia um artigo publicado aqui neste blog: http://anjoseguerreiros.blogspot.com/2009/04/10-passos-para-acabar-com-o-bullying.html

    ResponderExcluir
  11. Acho esse assunto super importante e temos com certeza que ficar atentos nas escolas, no trabalho na internet.
    Ah, obrigada viu, pela incrível leitura e tbm pela visitinha.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  12. Gosto muito dos artigos de ótima qualidade do seu Blog. Quando for possível dá uma passadinha para ver nosso Curso de Ingles. Melissa
    [

    ResponderExcluir

Você poderá gostar também de:

Related Posts with Thumbnails

posts legais em outros blogs