sábado, 27 de março de 2010

CSI BRASILEIRO - COMO FUNCIONA O TRABALHO DA PERÍCIA TÉCNICO CIENTÍFICA

O avanço tecnológico das investigações criminais é hoje uma febre. O  efeito "CSI" (referência à série de TV cujo título é formado pelas iniciais de crime scene investigation ou investigação da cena do crime) vem criando a expectativa de que técnicas ultramodernas solucionem sozinhas os casos mais espinhosos. Jurados costumam perguntar aos promotores por que certas técnicas não foram usadas no caso que está sendo julgado. E se decepcionam quando descobrem que quase metade do que é divulgado na TV não passa de pura ficção.
Virou moda nas tvs por assinatura e até em algumas tvs abertas, os seriados mostrando o dia-a-dia dos peritos criminais que, muitas vezes, são os responsáveis pela prisão do criminoso acima de qualquer suspeita ou por inocentar o mocinho preso injustamente.
Recentemente o trabalho desses profissionais teve grande destaque pela impressa com o caso Isabella Nardoni, sendo crucial para a condenação do casal Alexandre e Anna Carolina.
Na realidade o papel de um perito não acaba quando ele termina o seu relatório. Vai muito além, pois, a maior parte do trabalho consiste em testemunhar no tribunal sobre as evidências que coletou, os métodos que usou e número de pessoas que tiveram contato com determinadas provas documentais. Ao advogado de defesa cabe descaracterizar as evidências apresentadas. A defesa tentará incriminar cada evidência apresentada no tribunal. A legalidade da busca, a preservação sem máculas da prova e a completa e incontestável documentação do local do crime são as considerações mais importantes numa investigação da cena do crime.
A investigação da cena do crime é o ponto de encontro entre a ciência, a lógica e a lei. Os criminalistas usam diversos tipos de equipamentos que registram o mais mínimo detalhe, antes que o local seja alterado. Eles também fazem anotações verbais num gravador que são transcritas posteriormente. Câmeras são usadas para captar imagens de detalhe dos ferimentos e peças individuais de evidência.
A evidência forense entra em duas categorias: física e biológica. A evidência física, geralmente, conta com as impressões, armas de fogo ou outros itens. Já a evidência biológica é a presença de sangue, cabelos ou outros fluidos corporais e materiais orgânicos. Com freqüência, os investigadores colocam tendas para prevenir que o vestígio seja destruído pelos elementos.
Fontes de luzes alternativas, como as luzes ultravioletas e ultravermelhas, são usadas para recolher vestígios que não podem ser vistos a olho nu. Os examinadores conseguem revelar impressões digitais através de pós-especiais ou usando fitas adesivas especiais que copiam as amostras individuais. Kits de modelagem são usados também para recolher impressões de pneus, pegadas de sapatos ou pés e marcas de ferramentas.
Os investigadores também recolhem minúsculos vestígios forenses com pinças e cotonetes.
Em uma cena de crime, o perito pode coletar sangue seco de uma vidraça, sem deixar seu braço esbarrar no vidro, para o caso de lá ainda existirem impressões digitais; retirar um fio de cabelo da jaqueta da vítima usando uma pinça, para que o tecido não se mexa e o pó branco caia (que pode ser cocaína ou não) das dobras da manga; usar uma marreta para quebrar a parede que parece ser o ponto de origem de um odor terrível.
Aqui no Brasil, quando ocorre um crime 03 peritos distintos e com funções diversas podem entrar em ação para o esclarecimento da verdade, são eles: O perito criminal, o perito medico legista e o perito papiloscopista.
Cabe ao Perito Criminal efetuar o levantamento e estudo do local do crime apurando como o mesmo ocorreu e em quais circunstâncias, informando quais os meios e equipamentos utilizados na pratica do crime, para a realização deste trabalho pericial é fundamental a correta preservação do local do crime, que não pode em hipótese alguma ser violado, sob pena de destruição das provas e vestígios deixados pelos criminosos.
Ao Perito Médico Legista, cabe a tarefa de efetuar a autópsia no corpo da vítima, para descobrir qual foi a causa da morte, neste momento o Perito leva em consideração todas as evidências encontradas no corpo da vítima, como marcas, hematomas, ossos quebrados ou fraturados, vestígios de substâncias e alimentos ingeridos de forma voluntária ou não, nas últimas horas ou até mesmo dias, entre outros.
O Perito Palioscopista que em muitos estados não é considerado Perito, tem a missão de examinar as individuais dactiloscópicas do corpo da vítima colhendo as digitais dos pés e das mãos, para uma posterior localização destas impressões digitais junto aos arquivos dos institutos de identificação, tem também a função de efetuar o levantamento das impressões digitais deixadas pelos criminosos no local do crime.
A prova pericial não é a única prova válida admitida, existem outras provas como as testemunhais e as documentais, que também devem ser levadas em consideração, nem tão pouco existe hierarquia entre as provas de um processo ou inquérito criminal, porém, todos admitem que a prova técnico cientifica é sempre imparcial e objetiva, pois foi produzida por profissionais capacitados e aptos a emitir seus pareceres.
Ainda que em número reduzido, o Brasil tem centros de excelência na área de investigação criminal.
Vejamos as principais técnicas usadas pela perícia:
  • Reagente para sangue latente (não-visível)
Pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro desenvolveram uma versão brasileira do luminol, um dos principais recursos usados por peritos para localizar vestígios de sangue. O produto reage com o ferro presente no sangue, liberando uma substância que, quando observada no escuro, fica fluorescente. Mesmo quando o local ou o objeto são lavados e as manchas de sangue parecem ter sido removidas, o luminol detecta a presença de hemoglobina.
  • Cromatógrafos
Identificam evidências de composição química desconhecida e detectam drogas e medicamentos no sangue e na urina. Associados a outras técnicas, produzem identificações com 100% de certeza.
  • Identificação pelo DNA
O exame de DNA aponta com 99,9% de precisão a quem pertencem  amostras de qualquer material orgânico como cabelo, sêmen ou sangue encontrados na cena do crime.
  • Microscópio de comparação balística
O equipamento identifica marcas deixadas pela arma no projétil e pode ser acoplado à câmera digital, computador ou impressora.
  • Microscópio eletrônico de varredura
Esse equipamento superpotente identifica e analisa micropartículas em detalhes, mostrando quais elementos compõe o material coletado.
  • Crime Scope
Algo como "espectro do crime", um canhão de luz ultravioleta, programado para funcionar em diferentes comprimentos de onda, capaz de detectar a presença de substâncias como sangue, sêmen, fragmentos de ossos, fibras, pêlos e cabelos em diversas superfícies.

 Esses dois vídeos mostram um pouco mais sobre o trabalho dos peritos.


Fontes: Revista Época, Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Como tudo funciona, Youtube.

35 comentários:

  1. Ótima pesquisa, muito bem elaborada e completa!

    ResponderExcluir
  2. os Nardoni mereceram a condenação...que a estrelinha da Isabella brilhe para sempre

    ResponderExcluir
  3. esse site é show e o caso do juis e mais ainda mais!

    ResponderExcluir
  4. adorei tudo q li.....
    acho muito interessante esse tipo de trabalho.

    ResponderExcluir
  5. adorei tudo o que li...
    quero aprender mais sobre esse tipo de trabalho.

    ResponderExcluir
  6. Muito boa a matéria!
    Só não concordo com o belo trabalho da pericia no caso Nardoni, foi repleto de erros!
    Se a defesa tivesse um pouco mais de competência poderia muito bem ter inocentado o casal Nardoni com base nos inúmeros erros da pericia criminal.
    Não estou defendendo o casal Nardoni, só estou dizendo que a pericia criminal forneceu provas( erros em analises) para inocentar o casal.
    A matéria esta muito boa, porem eu tiraria o exemplo do caso Nardoni, pois é um exemplo de como não se deve fazer uma pericia criminal.

    ResponderExcluir
  7. Adorei a matéria tenho 16 anos e me interessei muito pela profissão, mas afinal o que se estuda para ser perito criminal?
    Parabéns pela matéria maravilhosa!!!

    ResponderExcluir
  8. Adorei a matéria, muito perfeita e bem explicada tenho certeza há algum tempo que quero ser perita criminal agora ainda mais!!!
    Obrigado por esclarecer tantas duvídas

    ResponderExcluir
  9. Amei a matéria, bem escrita e elaborada.
    Vou usar ela para montar o tema da feira de ciências da minha sala, cujo o tema é 'Investigação Criminal'.
    Você me ajudou muito ^^

    ResponderExcluir
  10. eu tenho 13anos e ja esconhi que faculdade vou fazer para ser uma perita criminal para assim resouver casos como da isabella.

    ResponderExcluir
  11. gostei muito da materia tenho 14 anos e amo asistir o seriado CSI,BONES e tais outros que tem aver com pericia criminal quando terminar os estudos vou fazer faculdade de investigação criminalistica :D

    ResponderExcluir
  12. por favor , queria muito ser perita criminal , mais não sei como chegar lá , tenho apenas 15 anos , mais desde já gostaria de saber que cursos e faculdade deveria fazer pra me tornar uma proficional . E gostaria de saber quanto eles ganham , obrigada !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá!
      sou formado em física e engenharia química e me especializei nos EUA. fiz concurso para perito e entrei sem nenhum problema.
      aconselho qq curso na área de QUIMICA, pois vc tem acesso a todas as partes forenses e ganha mto bem.
      o mais chatinho é a medicina legal, pois a formação é mto demorada e não é tão emocionante.
      vc n vira um CSI da tv, mas chega bem perto!

      Excluir
  13. na verdade quem faz a autopsia/necropsia é o necropsista - o médico legista analisa os resultados coletados por ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a formação para médico legista é a mais demorada dentro da área forense. além do tempo de formação normal em medicina, o concurso público demora às vezes até 10 anos para abrir vaga.
      a disputa é grande e se você não tiver "indicações" lá dentro dificilmente vc passa =P
      uma pena...

      Excluir
    2. O medico legista, na minha opinião, eh o pior perito. Não pela profissão em si, mas pelas condições.
      Realmente, demora mto até se formar. As vagas são escassas e raras.

      As condições são horríveis tb. Tipo, o ambiente de trabalho eh sujo e contaminante. Faltam materiais adequados p autopsia - n eh que nem CSI q tem td bonitinho e moderno. O legista n sai a campo p investigação e tem q ficar num lugar c cheiro horroroso q n sai do corpo rs.

      O salário tb n vale a pena. Tem estagiário de outras áreas q ganham bem mais.

      Meu tio trabalha no IML do RJ e me levou p conhecer. Realmente eh td mto ruim. E ele n me parece mto satisfeito c a profissão n rs.

      Levei td isso e mto mais em consideração na hora de escolher fazer Engenharia Química, q dá p entrar na área de perícia, e o salário eh mto melhor!!

      Excluir
  14. aham, sei, os únicos crimes resolvidos são os que os caras confessam, a maioria disso é só em novela, se fosse tão bom assim, pq tem um monte de assassinos no brasil?

    ResponderExcluir
  15. quais são as materias especifiacs para ser um perito criminal?

    ResponderExcluir
  16. no meu caso eu quero me tornar perito por causa de criminal mids...

    ResponderExcluir
  17. Oouw gostei muito e sou completamente apaixonada por essa profissão .. c apenas 16 anos jah sei q faculdade vou fzer pois sou fascinada por Investigações Criminais ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. somos 2 amoo de verdade esse trabalho !!

      Excluir
  18. Ouww ,gostei muito .. sou completamente apaixonada por essa profissão .. e c apenas 16 anos jah sei q faculdade vou fazer. pois sou fascinada por Investigações Criminais ...

    ResponderExcluir
  19. ammei de coraçao sei agora q a minha profissao e ser uma perita criminal.... me apaixonei quando comecei a assistir a serie na ttttttvvvv,quero ser uma CSI logista deve ser emocionante. E obrigada pelas dicas nos casos...

    jenny rodrigues

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá!
      sou formado em física e engenharia química e me especializei nos EUA. fiz concurso para perito e entrei sem nenhum problema.
      aconselho qq curso na área de QUIMICA, pois vc tem acesso a todas as partes forenses praticamente.
      o mais chatinho é a medicina legal, pois a formação é mto demorada e não é tão emocionante.
      vc n vira um CSI da tv, mas chega bem perto!

      Excluir
  20. tenho 11 anos e tenho o sonho de ser perita minha mae nao concorda mt com isso mais tto decidida qe vou fazer essa faculdade e muitas outras !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso mesmo beta nunca desista de seus sonho bj amiga

      Excluir
  21. Eu quero trabalhar com alguma coisa que seja relacionado a isso.ou na marinha ou na criminalística.cara é show de Bola!!

    ResponderExcluir
  22. ola tenho 15 anos. tenho um grande sonho de ser perita, sempre assisto aos programas de pericias para saber mais sobre eles amo muito esse trabalho, e acho que um dia eu posso chegar la !!!

    ResponderExcluir
  23. Ola tenho 13 ano meu sonho ê se forma para perita minha vontade ser perita è enorme eu tenho fè em deus que vou comsegui um dia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. legal esse sonho! mto gratificante tb!!
      olá!
      sou formado em física e engenharia química e me especializei nos EUA.
      aconselho qq curso na área de QUIMICA, pois vc tem acesso a todas as partes forenses praticamente.

      Excluir
  24. Adorei a matéria, me ajudou a entender muitas coisas. Eu gostaria de atuar na parte criminal como perita, mas ainda não tenho certeza. Nessas séries de TV tem muita coisa fictícia não dá pra se guiar por isso. Parabéns pela matéria

    ResponderExcluir
  25. Bem legal a materia, tenho 13 anos e quero fazer faculdade de quimica e arqutetura mas trabalhar mais na area de perita queria saber se eu poderia trabalhar essa profissao nos EUA .

    ResponderExcluir
  26. Oi,tenho 15 anos e quero saber se perito criminal pode interrogar suspeitos e testemunhas? Ele pode pedir um mandato e ur ate a casa de alguem q ele achar suspeito?

    ResponderExcluir

Você poderá gostar também de:

Related Posts with Thumbnails

posts legais em outros blogs